ESCRITÓRIO NOTURNOTHE MAJORNECRONAUTA - O ALMANAQUE DOS MORTOSMSP - NOVOS 50

guab versus

(Open Field Records, 2006)

É comum se fazer um disco com a ajuda de convidados. O artista prepara algumas canções ou compõe em parceria e chama seus colegas músicos para gravar o álbum. Só que Gustavo Abreu, o DJ guab, fez diferente no “guab versus”: os muitos convidados participam à revelia.

Cartola, Clementina de Jesus, Fugazi, Rogerio Duprat, Noam Chomsky, Jumbo Elektro… Todos remixados como se estivessem tocando no mesmo estúdio que guab e vice-versa…

O disco, foi produzido por guab entre 2000 e 2006, é um lançamento da Open Field Records, selo de Guilherme Barrella. A festa de lançamento acontece em duas partes no Milo Garage: a primeira dia 27/04, quinta-feira, como convidado da festa da Peligro. E a segunda, dia 29/04, em sua residência habitual, a festa .mixtape.

Faixa a Faixa por guab:

01 – Waiting Room Dub – Música bem conhecida do Fugazi, tem um dos basslines mais marcantes de que se tem notícia. Recebe aqui baforadas de dub e um leve dancehall nas batidas do remix do Groove Armada que faz a fundação da faixa.

02 – Attack on Democracy: Feito em 2000, é a origem experimental da série Versus. Instrumental minimalista conduzido pelo ritmo e pelas quebradas naturais da fala de Noam Chomsky.

03 – Stereo Man Rmx: Brincando de disco-punk alto astral com o Jumbão.

04 – Vegas Special Rmx: Parece pós-samba, mas não passa de uma versão hardcore oldschool (o da eletrônica) pra guitarrada d’Os Telepatas.

05 – 10 Anos Depois… Rmx: Suave melodia do Labo…

06 – Preciso me Encontrar Rmx: Hit dos primórdios da .mixtape. Feita pra presente de Natal em 2004 e tocada com bateria e baixo de verdade. Um legítimo remix “versus”, feito com amor pra todo mundo cantar de peito cheio.

07 – Papel Reclame Rmx: Refrão talvez não tão conhecido, mas que pega na hora. A voz da Clementina é única e estava pedindo um remix.

08 – We’re So Happy Rmx: Também uma brincadeira primitiva com o som cabeçudo do trio Medeski, Martin and Wood.

09 – Tom Zé vs. Diplo Livemix: Take único: de um lado a faixa “mã”, do mestre Tom Zé. Do outro, Diplo com seu irresistível “Rhythm” instrumental. Alguns scratches pra finalizar, que ninguém é de ferro…

10 – Irene Rmx: Fase de envolvimento com o trabalho genial de Rogério Duprat. Todo mundo conhece o refrão e ri junto com Irene, mas é a orquestração sublime que nos guia felizes entre loops e passagens.

11 – Enquanto seu Lobo Não Vem Rmx: Mesma atitude em relação ao Duprat: deixa ele guiar o caminho, com balanço e quebradeira, debaixo das ruas, na voz de um jovem Veloso.

12 – Mamãe, Coragem Rmx: Aqui Gal Costa também dá uma forcinha, juntando seu virtuosismo sensível ao arranjo do mestre nesse contraditório mantra épico de despedida.

“guab versus”, dj guab
(2006 – Open Field Records/Peligro)
Preço Recomendado: R$ 15
www.openfield.org

Serviço:

* 27/04, quinta – Festa da Peligro @ Milo Garage – São Paulo/SP
Lançamento do disco ‘guab versus’, com discotecagem do guab e show da banda Orna (de Michel Arms, do Objeto Amarelo).
End: Rua Minas Gerais, 203 – Higienópolis.
Fone: (11) 3129-8027.
Hor: 22hs. Ingr.: R$ 10.
www.peligro.com.br

* 29/04, sábado – .mixtape. @ Milo Garage – São Paulo/SP
Lançamento do disco ‘guab versus’, com discotecagem do guab.
End: Rua Minas Gerais, 203 – Higienópolis.
Fone: (11) 3129-8027.
Hor: 23hs. Ingr.: R$ 10.
www.recohead.com.br/mixtape

Posts Recentes | Recent Posts:


Comments are closed.


RECOMENDADOS: