ESCRITÓRIO NOTURNOTHE MAJORNECRONAUTA - O ALMANAQUE DOS MORTOSMSP - NOVOS 50

Sem Descontos #002 – BANCO DE AREIA

Com o navio seguro pela âncora na baía da arenosa Ilha de São Vinício, o pirata espanhol Barrica abriu um pequeno casco de cerveja do Cavalo de cevada, enquanto descia por um pequeno monte até o templo de rocha do deus Babil onde desenterraria um tesouro escondido por ele e Simonetto, seu colega quando serviam no navio d’el, El Perro del Mar.

Há 2 anos eles haviam enterrado um baú do antigo capitão quando La Luna, a nau de Perro, fora abatida costa pela Marinha Britânica e o fruto de suas pilhagens afundou com Perro junto, ganindo de tristeza conforme o mar Borático enchia o convés.

Escavadas dia adentro revelaram por fim o tesouro e Barrica respirou aliviado, mas engoliu em seco e seu coração parou por um segundo quando a tampa se abriu para revelar não a fortuna em dobrões que ele e Simonetto haviam recebido da Marinha Real por entregar a então futura localização de La Luna – e pela qual havia matado o amigo – mas apenas um punhado de areia e um bilhete que dizia, em soturna escrita de sangue apodrecido, “Ouro por minha vida, ouro por sua Alma, que hei de devorar. – El Perro”.

—–

100 dEScONTOS – uma série de micro contos de 100 a 200 palavras sem tema, gênero ou estilo definido. a maioria escrita na hora. porque eu tava precisando. não vou prometer, mas se chegar a 100 contos vai ser legal. pra ler mais clique aqui.

Posts Recentes | Recent Posts:

Leia também: / Read More:

Única foto que tirei ontem na Virada Ilegal - Deeeeds!
Há muitos anos, sob a luz do parque de diversões e ondas do mar ao fundo, a vida começou a mudar pr...
Mesa Fictícia na #santoscomiccon
No som no Palco Cabaré na #ViradaCultural2015. Obrigado, Secult de São Paulo, pelo convite a mim e a...

Comments are closed.


Compre meus livros na Ugra Press: